jusbrasil.com.br
28 de Setembro de 2021
2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO INTERNO NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL : AgInt no AREsp 0011360-05.2015.8.19.0000 RJ 2016/0236557-9

Superior Tribunal de Justiça
há 5 anos
Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
T4 - QUARTA TURMA
Publicação
DJe 02/02/2017
Julgamento
15 de Dezembro de 2016
Relator
Ministro LUIS FELIPE SALOMÃO
Documentos anexos
Inteiro TeorSTJ_AGINT-ARESP_979512_bf98f.pdf
Certidão de JulgamentoSTJ_AGINT-ARESP_979512_8d526.pdf
Relatório e VotoSTJ_AGINT-ARESP_979512_09f8d.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

PROCESSUAL CIVIL. AGRAVO INTERNO NO AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL. TUTELA ANTECIPADA. PRAZO PARA CUMPRIMENTO. IMPOSSIBILIDADE DE REVISÃO DA QUESTÃO EM SEDE DE RECURSO ESPECIAL. NECESSIDADE DE REEXAME DE MATÉRIA FÁTICA .SÚMULA 7/STJ.

1. "Esta Corte, em sintonia com o disposto na Súmula nº 735 do STF (Não cabe recurso extraordinário contra acórdão que defere medida liminar), entende que, via de regra, não é cabível recurso especial para reexaminar decisão que defere, indefere ou mantém liminar ou antecipação de tutela, em razão da natureza precária da decisão, sujeita à modificação a qualquer tempo, devendo ser confirmada ou revogada pela sentença de mérito. Apenas violação direta ao dispositivo legal que disciplina o deferimento da medida autorizaria o cabimento do recurso especial, no qual não é possível decidir a respeito da interpretação dos preceitos legais que dizem respeito ao mérito da causa" (AgRg no AREsp 464.505/MS, Rel. Ministra MARIA ISABEL GALLOTTI, QUARTA TURMA, julgado em 27/03/2014, DJe 08/04/2014).
2. Inviável a análise do recurso especial se a matéria nele contida depende de reexame reflexo de questões fáticas da lide, ante o teor da Súmula 7 do STJ.
3. Agravo interno não provido.

Acórdão

Vistos, relatados e discutidos estes autos, os Ministros da Quarta Turma do Superior Tribunal de Justiça acordam, na conformidade dos votos e das notas taquigráficas, por unanimidade, negar provimento ao agravo interno, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator. Os Srs. Ministros Raul Araújo, Maria Isabel Gallotti (Presidente), Antonio Carlos Ferreira e Marco Buzzi votaram com o Sr. Ministro Relator.

Veja

    • (ANTECIPAÇÃO DE TUTELA OU LIMINAR)
    • STJ - REsp 765375-MA
    • STJ - AgRg no REsp 1159745-DF
    • STJ - AgRg no Ag 762445-TO
    • STJ - REsp 1029735-DF
    • STJ - AgRg no REsp 704993-MS
    • STJ - AgRg no Ag 1089008-SP

Referências Legislativas

  • FED SUM: ANO: SUM (STJ) SÚMULA DO SUPERIOR TRIBUNAL DE JUSTIÇA SUM:000007
  • FED SUM: ANO: SUM (STF) SÚMULA DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL SUM:000735
Disponível em: https://stj.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/433534272/agravo-interno-no-agravo-em-recurso-especial-agint-no-aresp-979512-rj-2016-0236557-9

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 5 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL : AREsp 0011360-05.2015.8.19.0000 RJ 2016/0236557-9

AGRAVO EM RECURSO ESPECIAL Nº 979.512 - RJ (2016/0236557-9) RELATOR : MINISTRO LUIS FELIPE SALOMAO AGRAVANTE : CELEBRITY ICARAI NEGOCIOS IMOBILIARIOS LTDA AGRAVANTE : ROSSI RESIDENCIAL SA ADVOGADOS : TATHIANA HINDEN GOMES LOPES - RJ119979 MARCUS VINICIUS GONÇALVES GOMES - RJ117199 AGRAVADO : LEONARDO LUIZ DE FIGUEIREDO …
Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro
Jurisprudênciahá 6 anos

Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro TJ-RJ - AGRAVO DE INSTRUMENTO : AI 0011360-05.2015.8.19.0000 RIO DE JANEIRO NITEROI 9 VARA CIVEL

Agravo de instrumento. Ação indenizatória c/c obrigação de fazer. Promessa de compra e venda de unidade imobiliária. Pagamento de laudêmio. Antecipação dos efeitos da tutela. Questão preclusa. Fixação de multa por descumprimento de ordem judicial. Possibilidade. Multa fixada que não se revela desproporcional, nem …