jusbrasil.com.br
21 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 640697 MG 2004/0005316-0

Superior Tribunal de Justiça
há 17 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
REsp 640697 MG 2004/0005316-0
Órgão Julgador
T5 - QUINTA TURMA
Publicação
DJ 01.08.2005 p. 525
Julgamento
7 de Junho de 2005
Relator
Ministro JOSÉ ARNALDO DA FONSECA
Documentos anexos
Inteiro TeorRESP_640697_MG_07.06.2005.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

RECURSO ESPECIAL. PREVIDENCIÁRIO. REVISÃO DE CÁLCULO DE BENEFÍCIO. PLANO DE CUSTEIO E BENEFÍCIOS. EQUIVALÊNCIA SALARIAL. ART. 41, DA LEI 8.213/91. FIXAÇÃO DE TETO. Descabida a aplicação do princípio da equivalência salarial com o número de salários mínimos à época da concessão do benefício previdenciário, concedidos na vigência da Lei 8.213, pois a própria Lei, em seu art. 41, incisos I e II, estabelece a fórmula do cálculo do valor inicial da aposentadoria e dita regras para seu reajustamento. “O art. 136 da Lei nº 8.213/91 não interfere em qualquer determinação do art. 29 da mesma lei, por versarem sobre questões diferentes. Enquanto aquele ordena a exclusão do valor teto do salário de contribuição para um determinado cálculo, este estipula limite máximo para o próprio salário de benefício.” (Precedentes) Recurso do obreiro não conhecido e provido o recurso da autarquia.

Acórdão

Vistos, relatados e discutidos os autos em que são partes as acima indicadas, acordam os Ministros da Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça: "A Turma, por unanimidade, conheceu do recurso interposto pelo Instituto Nacional do Seguro Social - INSS e lhe deu provimento e não conheceu do recurso de Terezinha Borges, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator." Os Srs. Ministros Felix Fischer, Gilson Dipp, Laurita Vaz e Arnaldo Esteves Lima votaram com o Sr. Ministro Relator.

Resumo Estruturado

INAPLICABILIDADE, CRITÉRIO, EQUIVALÊNCIA SALARIAL, PREVISÃO, SÚMULA, TFR, COM, OBJETIVO, REAJUSTE, BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIO / HIPÓTESE, CONCESSÃO, BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIO, APÓS, VIGÊNCIA, LEI DE BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL / OBSERVÂNCIA, JURISPRUDÊNCIA, STJ. LEGALIDADE, FIXAÇÃO, LIMITE MÁXIMO, VALOR, SALÁRIO-DE-BENEFÍCIO, OBSERVÂNCIA, MAIOR VALOR-TETO, SALÁRIO-DE-CONTRIBUIÇÃO, DATA, CONCESSÃO, BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIO, COM, OBJETIVO, CÁLCULO, RENDA MENSAL INICIAL / DECORRÊNCIA, PREVISÃO, LEI DE BENEFÍCIOS DA PREVIDÊNCIA SOCIAL ; OBSERVÂNCIA, JURISPRUDÊNCIA, STJ.

Veja

  • BENEFÍCIO PREVIDENCIÁRIO - CÁLCULO - EQUIVALÊNCIA SALARIAL
    • STJ - RESP 153348 -PB, RESP 98954 -RS, RESP 92834 -RS, RESP 143933 -SP
  • SALÁRIO DE BENEFÍCIO - CÁLCULO - LIMITE
    • STJ - RESP 162704 -SP, RESP 174757 -SP

Referências Legislativas

Disponível em: https://stj.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/81346/recurso-especial-resp-640697-mg-2004-0005316-0

Informações relacionadas

Doutrina2013 Editora Revista dos Tribunais

Capítulo II - Das prestações em geral - Título III - Do regime geral de previdência social